julho 26, 2013
2
||||| 0 |||||
532

Biodigestor de Resíduos Sólidos orgânicos municipais de Marl na Alemanha

Como funciona o tratamento de resíduos urbanos orgânicos ou bioresíduos? Como viabilizar projetos de tratamento de bioresíduos urbanos? Como fazer um biodigestor para os resíduos de vários municípios? O Biodigestor de Resíduos Sólidos orgânicos municipais de Marl na Alemanha mostra como resolver essas questões na prática.

Um dos maiores desafios dos administradores públicos é a destinação ambientalmente adequada e sustentável de seus resíduos. Os resíduos orgânicos possuem o agravante de contribuir para a proliferação de inúmeras doenças quando contaminam corpos d’água. Doenças como Hepatite A, Giardíase, Amebíase ou Disenteria Amebiana, Febre Tifoide, Cólera, Ascaridíase ou lombriga e Leptospirose são comuns.

Água contaminada com resíduos urbanos orgânicos causam doenças de diversos tipos

Toda essa poluição pode ser evitada com o uso de tecnologias modernas de tratamento de resíduos. Ao contrário do que se pensa, o fator decisivo para se montar esses projetos não é a questão financeira. O mais importante é o conhecimento para construir um modelo de negócio eficiente, seguro e lucrativo para investidores. Para isso, os gestores públicos só precisam fazer a regulamentação do setor.

Com o auxílio de um consultor especializado é possível então montar o cenário adequado para projetos sustentáveis. Este é um exemplo de projeto que resolve o problema dos resíduos e não custou nenhum centavo aos cofres públicos.

Vídeo Aulas com conteúdo exclusivo. Faça sua assinatura agora mesmo.

Seja um consultor especializado em PLANO DE NEGÓCIO PARA BIODIGESTORES AUTOMATIZADOS

O desafio da região de Marl

Segundo o site da cidade de Marl, sua população em 2018 era de 86.805 habitantes. Entre outras coisas, a cidade conta com um setor industrial químico (Chemiepark) que emprega mais de 10.000 pessoas.

Assim como em outras cidades do mundo, o tratamento de resíduos era um desafio a ser vencido pela administração pública. Especialistas apontavam para uma solução que evitava que as soluções para os resíduos fossem custeadas com recursos públicos.

Porém para atrair tecnologia eficiente, empreendedores e investidores era preciso construir um cenário atrativo.

A regulamentação do mercado

O primeiro passo para garantir destinação ambientalmente adequada é proibir que os resíduos sejam encaminhados à aterros sanitários. Desde 2006 foi proibido o uso de restos de alimentos de restaurantes e feiras como ração animal.

Através de consultoria especializada, a empresa Refood percebeu uma grande oportunidade no mercado de tratamento de resíduos sólidos orgânicos. Investiu fortemente em pesquisa e tecnologias de biogás e biodiesel de bioresíduos e resíduos resultantes de óleos de frituras. A empresa entrou pra ganhar na negociação e em 2012 o Biodigestor entrou em operação em Marl.

A regulamentação do mercado permitiu que a empresa expandisse em todo o país. Somente na Alemanha são 18 centrais de biogás para o tratamento de resíduos sólidos orgânicos. Sua central mais moderna fica na cidade de Marl.

Biodigestor de Resíduos Sólidos orgânicos municipais de Marl

O biodigestor de Marl trata todos os resíduos orgânicos municipais ou urbanos em um raio de 150 km da cidade de Marl. São resíduos de restaurantes, padarias, feiras, supermercados, frigoríficos, óleos de frituras de indústrias e restaurantes, entre outros.  Após a implementação, o serviço de coleta foi aperfeiçoado e chega inclusive a grandes cidades como Frankfurt, Colônia e Dortmund.

Vista Aérea do Biodigestor de resíduos urbanos orgânicos de Marl na Alemanha – Foto Google Maps

O serviço de coleta seletiva dos resíduos orgânicos

Após contratada, a empresa disponibiliza containers limpos para seus clientes. A depender do volume gerado, é combinado então um calendário de coleta para cada cliente.

O serviço é feito com um sistema especial de coleta totalmente automatizado. Os motoristas recebem seus computadores com toda a descrição de sua jornada diária de trabalho quando começam seus turnos. Toda a coleta de resíduos é então acompanhada via satélite. Caso aconteça alguma mudança de roteiro, os motoristas são devidamente avisados através desse sistema.

computador de controle de coleta de residuos solidos organicos

A empresa Refood oferece um serviço moderno de coleta seletiva de resíduos urbanos orgânicos. Os motoristas recebem computadores com toda sua programação diária. Os dados coletados da gravimetria dos resíduos são disponibilizados para órgãos públicos e para a população. (Foto: Refood)

No final do turno, o motorista entrega seu computador e os dados são repassados para a central. É possível então ver dados como quantidade de resíduos coletados e locais onde os serviços foram feitos.

A gravimetria é disponibilizada automaticamente para a administração pública

Como medida de transparência pública, os dados da coleta ficam disponibilizados de forma automática para a população e órgãos públicos. Estes podem entrar em contato pelo site ou diretamente na empresa.

Com isso é possível demonstrar claramente os impactos positivos resultantes da própria existência da empresa. A aceitação pública é garantida e a empresa consegue eternizar seus negócios altamente lucrativos.

Saúde pública e dos funcionários

Durante o dia, os veículos coletores trazem os containers cheios de resíduos orgânicos. Os containers cheios são trocados por outros limpos, higienizados e vazios para uma nova rota de coleta. É muito importante fornecer container sem  o menor vestígio de sujeiras e mau cheiro para seus clientes.

Além disso, todos os veículos coletores também passam por um processo de desinfecção e limpeza. Assim é possível evitar a transmissão de possíveis doenças por bactérias para os funcionários. Todas as lixeiras obedecem padrões rigorosos de fabricação e higiene.

Triagem automática dos resíduos orgânicos

Alimentos com data de validade expirada coletados em supermercados são então encaminhados a uma central de triagem na própria empresa. A separação é feita de forma automática e as embalagens são encaminhadas para empresas do setor de reciclagem. Todo o resíduo orgânico é então levado para a central de biogás.

Embalagens de Resíduos Orgânicos de feiras e supermercados são separadas e enviadas para o setor local de reciclagem. (Foto: Gleysson B. Machado)

O processamento dos resíduos orgânicos

O biodigestor de Marl é formado por 2 fermentadores e um tanque de pós tratamento de substrato. O biogás gerado alimenta um sistema de motores e geradores com potência elétrica de 3 MW.

Na geração de biogás, todo material que não seja orgânico pode ser prejudicial ao processo. A empresa é avisada por seus clientes que os resíduos estão misturados com materiais como plásticos e vidros. Para garantir maior eficiência no processo, o sistema fino de triagem consegue separar partículas de até 3 mm do substrato.

O investimento em eficiência garante a lucratividade do projeto.

O balanço social e financeiro do projeto

O investimento no biodigestor custou a empresa 9,2 milhões de euros. Um valor similar foi investido na central automática de triagem fina. O projeto final saiu então por cerca de € 20 milhões.

A empresa vende energia para a cidade assim como biofertilizante para agricultores locais. O calor residual dos motores também é comercializado com indústrias locais.

Você já viu como funciona a comercialização de biofertilizantes? não deixe de assistir o vídeo abaixo:

O Biodigestor de Resíduos Sólidos orgânicos municipais de Marl na Alemanha emprega mais de 120 pessoas diretamente. A empresa investe massivamente em inovação tecnológica. Assim, contribui significativamente para o desenvolvimento social, econômico e intelectual dos habitantes da pequena cidade de Marl.

O projeto não custou nenhum centavo aos cofres públicos. O projeto demonstra que se bem planejado, o setor pode ser altamente viável.

Qual o segredo para fazer o projeto de biodigestor de resíduos urbanos orgânicos em Marl?

Para montar este projeto foram necessários conhecimentos em biotecnologia e estudo dos resíduos locais para dimensionar o projeto. Com a análise de mercado e financeira foi possível visualizar a lucratividade do negócio.

O governo alemão investe muito dinheiro em desenvolvimento de tecnologia e de negócios sustentáveis. Através do Portal do Biogás você tem acesso ao conhecimento que antes eram privilégios de pessoas que vivem na Alemanha.

Seja um consultor especializado em PLANO DE NEGÓCIO PARA BIODIGESTORES AUTOMATIZADOS e ajude a mudar o mundo

Quer saber mais detalhes sobre este projeto? Sacie sua curiosidade neste papo descontraído no vídeo abaixo entre o Gleysson e visitantes brasileiros que queriam conhecer um Biodigestor ao vivo.

Fontes:

  • Contato direto com a empresa
  • Site oficial da cidade de Marl (www.marl.de)
  • Site da empresa Refood
 

Como aprofundar o conhecimento em Resíduos Sólidos?

Você é um entusiasta das questões ambientais e se orgulharia se o seu trabalho gerasse emprego e renda. Além disso, seria muito bom se fosse uma atividade lucrativa. Não tenha dúvidas. A Área de resíduos é a área onde você pode explorar o seu potencial e defender uma boa causa. Para atuar no setor de resíduos você precisa ter conhecimento de causa. A Área VIP do Portal Resíduos Sólidos oferece conteúdo de altíssima qualidade de forma exclusiva e a baixíssimo custo. É hoje a forma mais barata de chegar ao conhecimento técnico de profissionais consolidados. Você é o seu maior projeto na vida. Invista no seu autodesenvolvimento.  
Share this:
Tags:

About gleysson

gleysson

Sou especialista em transformar problemas ambientais em negócios sustentáveis. Formado em Dip. Ing. Verfahrenstechnik (Eng. Química) pela Universidade de Ciências Aplicadas de Frankfurt/M na Alemanha com especialização e experiência em Tecnologias para geração de Energia e Engenharia Ambiental. Larga experiência em Resíduos Sólidos com foco em Biodigestores Anaeróbios

  • LinkedIn
  • Email

2 Comments

  • Victor
    2014-01-15 19:13

    Olá Gleysson, vc sabe se existe algo parecido aqui no Brasil ?

    Ou se alguém tem interesse em implantar esse sistema de biodigestão da parte organica dos RSU por aqui ?

    att

    • gleysson
      2014-01-15 19:22

      oi Victor,

      Infelizmente no Brasil ainda não existe essa tecnologia. Quem sabe em breve. Pra implantar no Brasil precisa de alguem interessado no Brasil em investir nisso ou pelo menos criar condições favoráveis de investimentos.

Add Comment