fbpx
agosto 4, 2013
0
||||| 0 |||||
185

Fim dos lixões – Prefeitos querem prolongar o sofrimento da população

Enquanto os gestores públicos investem muita energia para aumentar o prazo dado para o fim dos lixões pela Política Nacional de Resíduos Sólidos, milhares de pessoas sofrem com as consequências da falta de gerenciamento de resíduos sólidos no país.

Diretamente responsáveis por dar uma destinação final ambientalmente adequada ao lixo de suas cidades, os prefeitos alegam que foram pegos de surpresa com uma legislação utópica e de difícil aplicação na prática. Esquecem que a Política Nacional de Resíduos Sólidos – PNRS sancionada na forma da Lei 12.305 em 2010 foi trabalhada por profissionais competentes que se basearam em soluções já aplicadas no mundo e em diretrizes apontados por entidades como a própria ONU, a Organização das Nações Unidas.

O gerenciamento de resíduos é sem dúvida algo muito complexo e exige profissionais qualificados para entender a interação de todas as metodologias e tecnologias existentes hoje para transformar os problemas de resíduos em soluções de desenvolvimento sustentável. Porém, depois de 3 anos da Lei 12.305 ainda vemos que poucos prefeitos buscam encontrar soluções adequadas para o assunto, mesmo sabendo das consequências como pagamento de multa e até mesmo possibilidade de detenção de até 3 anos. As soluções adequadas já foram discutidas com a sociedade e o governo exige que as soluções apresentadas venham acompanhadas de desenvolvimento social, econômico e intelectual com geração de emprego e renda para toda a sociedade. Portanto, não se trata somente de arranjar uma solução, é preciso que essa solução seja baseada no desenvolvimento sustentável.

Não esquecendo que a função de um prefeito é encontrar soluções para a cidade em que administra, assim como a função de um pedreiro é trabalhar na construção civil, é de se admirar que muitos não estão aparentemente preocupados com o assunto. Pra isso eles receberam um belo salário pago pelo contribuinte brasileiro, regalias e autoridade para fazer o que quiser e mesmo assim ainda querem mais tempo. Tentar aumentar o prazo para o fim dos lixões no Brasil demonstra que os alguns prefeitos na verdade querem prolongar o sofrimento da população comprometendo a saúde pública e a proteção ambiental possivelmente em nome de ganhos pessoais.

Vamos a um bate-bola para ver possíveis dificuldades e soluções para o problema da demora em apresentar soluções para o setor:

caminhos para o sucesso profissional, como agir para alcançar uma carreira de sucesso, sucesso na carreira frases, como alcançar o sucesso na vida, sucesso profissional definição, sucesso na carreira profissional frases, sucesso profissional redação, sucesso profissional conceito

Segredo revelado! Agora você pode saber como planejar sua carreira profissional no setor de resíduos sólidos. Vamos lá?

Problema Solução 
Dificuldade de acesso à informações Em ilhas isoladas ou grandes metrópoles a internet é o meio mais usado pela humanidade hoje para acessar informação. Toda e qualquer cidade brasileira pode ter internet.
Falta de verba para investir na elaboração dos Planos de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos – PGIRS O Ministério do Meio ambiente oferece recurso financeiros á todo e qualquer município desde que este trabalhe de acordo com as seus princípios
Falta de dinheiro para investir na construção das centrais Um PGIRS de qualidade abre espaço para empreendedores investirem na cidade. O plano gera clareza na administração do setor

Entre outras …

O que vemos acontecer na prática é que alguns prefeitos tentam garantir uma lucratividade pessoal tentando encontrar parceiros que viabilizem planos corruptos e posterior formação de máfias do lixo no país. Para isso, gastam muito tempo montando a engenharia necessária para mascarar suas atitudes e enganar a população, os órgãos fiscalizadores e o governo federal. Muitas vezes, a estratégia mais comum para convencer os que se opõe a essa prática é o suborno ou até mesmo o assassinato. E tudo isso só se justifica pela vontade que querer ganhar dinheiro.

A vontade de ganhar dinheiro em si não é uma coisa negativa, inclusive o setor de resíduos sólidos oferece inúmeras maneiras de se fazer isso.

Para entender como ganhar dinheiro honestamente com resíduos sólidos é necessário investir em conhecimentos e se empenhar em ver soluções implantadas e em funcionamento no mundo. A partir disso, qualquer pessoa pode decidir o quanto quer ganhar e o que precisa investir. O mercado de resíduos promete movimentar mais de R$ 700 bilhões nos próximos 2 anos no Brasil com a criação de toda uma indústria de resíduos sólidos. São milhares de oportunidades para qualquer um e em qualquer cidade do Brasil. Com certeza, bastante dinheiro para que entender que a corrupção não é a única maneira de ganhar dinheiro no Brasil.

Visando distribuir informações de qualidade de maneira rápida, com baixo custo e efetiva, o Portal Resíduos Sólidos nasce unificando conhecimentos de professores e profissionais do setor que falam português em todo o planeta e oferece cursos de qualificação para qualquer pessoa interessada.

Por entender que a falta de gestão e gerenciamento de resíduos causa até mesmo a morte de milhares de pessoas e por trabalhar constantemente para o desenvolvimento sustentável no Brasil com informações de qualquer tipo e para qualquer situação, o Portal Resíduos Sólidos se posiciona contra o aumento do prazo dado pela Política Nacional de Resíduos Sólidos para erradicar os lixões no Brasil.

Veja no vídeo abaixo uma reportagem sobre as consequências da falta de gestão de resíduos no Brasil.

O gigante precisa acordar

Entenda o setor de Resíduos e saiba como aproveitar as melhores oportunidades fazendo o curso “Gestão e Gerenciamento de Resíduos Sólidos” do Portal.

Se você também é contra o aumento do prazo para acabar com os lixões no Brasil, clique no bota +1 do Google logo abaixo e compartilhe esse tópico nas redes sociais.

Share this:
Tags:

About gleysson

gleysson

Sou especialista em transformar problemas ambientais em negócios sustentáveis. Formado em Dip. Ing. Verfahrenstechnik (Eng. Química) pela Universidade de Ciências Aplicadas de Frankfurt/M na Alemanha com especialização e experiência em Tecnologias para geração de Energia e Engenharia Ambiental. Larga experiência em Resíduos Sólidos com foco em Biodigestores Anaeróbios

  • LinkedIn
  • Email

Add Comment