fbpx
março 30, 2018
0
||||| 2 |||||
2102

O mercado de Resíduos Sólidos

O mercado de resíduos sólidos (Foto: BEW)

O que é o mercado de resíduos sólidos? Como está segmentado o mercado de resíduos sólidos? Qual a diferença entre o mercado resíduos sólidos público e privado? Qual o tamanho do mercado de resíduos sólidos? O que você sabe sobre O mercado de Resíduos Sólidos? 

Os resíduos sólidos, comumente chamados de lixo, são hoje um dos maiores problemas da sociedade. Visto como um dos principais agentes da contaminação dos corpos hídricos causando inúmeras doenças que muitas vezes levam à morte. Cidades com ruas sujas, lixo em terrenos baldios, cidadãos que jogam lixo nas ruas, contribuem assim para o seu agravamento. Diversos fatores contribuem para que as cidades tenham um aspecto pesado, sujo. A consequência direta é a baixa qualidade de vida bem como caos na saúde pública nessas cidades. De fato problemas como esses são encontrados em inúmeras cidades em todo o mundo.

O motivo da existência de empresas é a demanda, ou seja, quanto maior a demanda, maior as possibilidades de ganho. No caso do mercado de resíduos, a demanda está espalhada em todos os lugares, em todos os setores e segmentos. Mas se é assim, por que as pessoas ainda não conseguem enxergar?

“Uma das chaves para o sucesso é saber mais do que os outros. É assim que se enxerga mais longe” Gleysson B. Machado

Uma vez que as responsabilidades pelos problemas são compartilhadas, podemos dividir as demandas em públicas e privadas. Se você de fato tem interesse no mercado privado de resíduos sólidos, avance para o artigo O MERCADO PRIVADO DE RESÍDUOS SÓLIDOS.

caminhos para o sucesso profissional, como agir para alcançar uma carreira de sucesso, sucesso na carreira frases, como alcançar o sucesso na vida, sucesso profissional definição, sucesso na carreira profissional frases, sucesso profissional redação, sucesso profissional conceito

Segredo revelado! Agora você pode saber como planejar sua carreira profissional no setor de resíduos sólidos. Vamos lá?

O que é o mercado de resíduos sólidos?

O mercado de resíduos sólidos nasce a partir de uma demanda gigante. Sendo assim o  homem é um ser social e todas as suas atividades geram resíduos. Então, para manter uma sociedade em funcionamento é necessário produzir alimentos, energia, e infraestrutura básica. Além disso, as pessoas precisam de entretenimento, segurança, e diversas outras coisas.

De acordo com  Maslow, as necessidades podem ser classificadas em seis grupos, sendo os cinco primeiros considerados grupos de necessidades básicas. A saber: as necessidades fisiológicas, necessidades de segurança, necessidade de amor, necessidade de estima e as necessidades de auto-realização.

Hierarquia das necessidades humanas – Pirâmide de Maslow

A fim de satisfazer todas as suas necessidades, a humanidade se preocupa e desenvolve cada vez mais soluções e produtos. Dessa forma, a produção humana é medida através do Produto Interno Bruto.

O mercado de resíduos sólidos nasce a partir do fato de que, toda e qualquer atividade humana gera resíduos. Estes precisam ser destinados de forma ambientalmente correta para assim satisfazer as necessidades mais básicas, as fisiológicas. Dessa forma, o mercado de resíduos tem uma ligação direta com o PIB de qualquer sociedade.

Qual a diferença entre o mercado público e privado de resíduos?  

Em função da forma como as sociedades se organizam, as responsabilidades pela coleta, transporte e destinação dos resíduos gerados podem ser atribuídas ao setor público e ao setor privado.

Em países menos desenvolvidos, normalmente o setor público acaba assumindo toda a responsabilidade de forma quase instintiva. Justamente por isso, os problemas costumam ficar evidentes. É comum a presença de lixo nas ruas, surto de pragas e doenças, águas contaminadas e etc. Em outras palavras, se não houver uma regulamentação e distribuição de responsabilidades, o setor público não consegue resolver os problemas sozinhos.

A partir dessa conscientização, criam-se políticas voltadas para o setor que fazem uso da responsabilidade compartilhada como um forte instrumento.O Estado se coloca como orquestrador e regulamentador, suas atribuições por excelência, e assim pode ser mais eficiente.

Em todo o mundo, a Europa é sem sombra de dúvidas o continente com maior experiência de gestão de resíduos. O mercado europeu movimenta mais de 150 bi € a cada ano e inspira diversos países, como o Brasil, na criação de legislação ambiental.

Paralelamente o Brasil estudou as melhores soluções implementadas em todo o mundo. As soluções foram adaptadas às necessidades de inclusão social e geração de emprego para a população de baixa renda. Em 02/08/2010 o então presidente Lula sancionou a Lei 12.305, uma das mais modernas do mundo atual

Pra você que pretende entrar neste mercado é de suma importância entender o seguinte:

“Legislação de primeiro mundo exige soluções de primeiro mundo” Gleysson B. Machado

É fácil pensar que, é no mínimo interessante conhecer as soluções implementadas com sucesso na Europa.

Como está segmentado o mercado de resíduos?

O mercado internacional de resíduos está segmentado em 4 principais grupos. Ou seja, Coleta, transporte e limpeza urbana; Reciclagem e tratamento; Engenharia e Mercado de usados e componentes. Cada um destes segmentos se subdividem em outras categorias como mostrado na figura abaixo:

Ao visualizar a figura acima, fica claro que trata-se de uma grande indústria com diversas ramificações. São milhares de profissionais que precisam se especializar para atender todas as demandas e peculiaridades deste mercado.

Qual o tamanho do mercado de resíduos sólidos?

Por não estar organizado em todos os países, é difícil encontrar uma estatística segura. Sabemos que este mercado tem uma relacao direta com o Produto Interno Bruto, mas ainda não é possível dizer quanto.

O mercado europeu é um dos mais desenvolvidos do mundo. Por ano, são movimentados mais de 150 bi €. Somente na Alemanha este mercado movimenta um terço desse valor. Mesmo na Alemanha onde são empregados quase 200.000 pessoas, só foram reciclados cerca de 65% dos resíduos em 2016. O país percebeu a demanda global e estimula cada vez mais crescimento neste setor.

A Alemanha espera que em breve, mesmo não tendo fontes de matéria prima abundantes, se transforme em um grande exportador. Diversos produtos poderão ser fabricados a partir dos resíduos sólidos. Com essa visão, a Alemanha hoje já importa resíduos de vários países.

Quer entrar neste mercado e ainda não sabe como? Leia nosso artigo O MERCADO PRIVADO DE RESÍDUOS SÓLIDOS.

Share this:
Tags:

About gleysson

gleysson

Sou especialista em transformar problemas ambientais em negócios sustentáveis. Formado em Dip. Ing. Verfahrenstechnik (Eng. Química) pela Universidade de Ciências Aplicadas de Frankfurt/M na Alemanha com especialização e experiência em Tecnologias para geração de Energia e Engenharia Ambiental. Larga experiência em Resíduos Sólidos com foco em Biodigestores Anaeróbios

  • LinkedIn
  • Email

Add Comment