agosto 27, 2017
||||| 4 |||||
5115

O que são biodigestores

O que são biodigestores? O que é biodigestão anaeróbia? Pra que serve um biodigestor? Qual o país com o maior número de biodigestores? A matéria orgânica gera quanto biogás? Qual o tamanho do mercado de biodigestores no Brasil?

O que a geração de energia, tratamento de resíduos e o agronegócio têm em comum? Um dos grandes entraves ao desenvolvimento das cidades é a capacidade de geração de energia. Por outro lado o tratamento de resíduos é hoje um dos maiores desafios da maior parte dos países. A capacidade de um país em produzir alimentos depende da qualidade do solo. Como melhorar isso e se desenvolver de maneira sustentável?

O desenvolvimento e uso de tecnologia é um dos trunfos da humanidades no caminho em direção à sustentabilidade. Um biodigestor é uma central de tecnologia que acelera a decomposição de matéria orgânica. Desse modo pode servir como unidade de tratamento de resíduos orgânicos. O processo resulta em biogás e biofertilizantes. O biogás pode ser utilizado para geração de energia. O biofertilizante é excelente para preparação do solo para a agricultura.

Na Alemanha muitos investidores perceberam a grande oportunidade de negócios com biodigestores. O país já tem mais de 9.000 biodigestores comerciais em operação. Esse número aumenta à cada ano.

caminhos para o sucesso profissional, como agir para alcançar uma carreira de sucesso, sucesso na carreira frases, como alcançar o sucesso na vida, sucesso profissional definição, sucesso na carreira profissional frases, sucesso profissional redação, sucesso profissional conceito

Segredo revelado! Agora você pode saber como planejar sua carreira profissional no setor de resíduos sólidos. Vamos lá?

Veja com um empreendedor comum conseguiu ganhar com o Biodigestor Rural de Oyten-Alemanha

O que são biodigestores?

Definir o que são biodigestores nem sempre é uma tarefa fácil. Isso acontece porque o biodigestor é um organismo vivo e multifuncional. Por isso, as vezes é melhor observar o objetivo do projeto.

 

 

 

Em geral, os biodigestores são centrais, usinas ou mesmo equipamentos que têm como objetivo a aceleração do processo de decomposição da matéria orgânica na ausência de oxigênio. Devido a isso, o processo também é conhecido como biodigestão anaeróbia.

Podemos então definir um biodigestor das seguintes maneiras:

Biodigestor como fábrica de biofertilizantes

Alguns projetos são criados com o objetivo principal de produzir biofertilizantes. O Brasil como 4° maior importador do mundo, representa um ótimo mercado para este tipo de projeto. Neste caso, o empreendedor pode até ganhar menos com energia e tratamento de resíduos.

Biodigestor como unidade de geração de energia

Nem sempre a energia elétrica é disponibilizada de forma uniforme. Isso acontece por falta de capacidade de geração ou por ser área de difícil acesso. Através de um biodigestor é possível gerar energia de forma descentralizada exatamente no local onde existe a demanda.

O Portal Residuos Solidos é o maior site do setor de residuos em ligua portuguesa

Serão 3 projetos 100% desenvolvidos por você e submetidos aos professores da DESENHAR. Vamos avaliar os projetos e retornar com a aprovação ou indicar possíveis melhorias para seus desenhos.

Biodigestor como usina de tratamento de resíduos

A melhor forma de tratar resíduos orgânicos é transformando-os em algo reutilizável. A natureza nos ensina como fazer isso através da decomposição de tudo o que é orgânico. Exatamente este mesmo princípio é utilizado em biodigestores. Quando fazemos a concepção de um projeto para este fim, podemos definir como uma Usina de Tratamento de Resíduos.

Em países desenvolvidos os biodigestores ajudam nas áreas estratégicas de energia, resíduos e fertilizantes. Na Alemanha, a cidade de Marl conseguiu criar condições para viabilizar um projeto de biodigestor e não precisou gastar nada. Assim resolveu seus problemas sem ter que gastar um único centavo do próprio bolso.

Saiba mais sobre o Biodigestor de Resíduos Sólidos orgânicos municipais de Marl na Alemanha

Pra que serve um biodigestor?

Inicialmente a idéia da biodigestão anaeróbia é extremamente simples. Basta colocar matéria orgânica como restos de alimento, dejetos animais ou humanos, resíduos agrícolas ou mesmo plantas energéticas em um tanque hermeticamente fechado e o processo de degradação da matéria orgânica começa naturalmente. Essa facilidade de compreensão do processo deu origem a inúmeros projetos de biodigestores pelo mundo com diferentes tipos de tecnologia. Na Índia por exemplo, segundo o site Biogás India existem mais de 4 milhões de pequenos biodigestores (fermentador a partir de 1m³) utilizando esterco de gado como matéria orgânica em um país com um potencial de até 12 milhões de unidades do tipo.

Saiba mais sobre Biodigestores Indianos

A aplicação de tecnologias no sentido de tornar o processo mais eficiente, ou seja, que mais gás seja gerado a partir da matéria orgânica escolhida, ampliou o uso de biodigestores significativamente. Atualmente é possível fazer o tratamento eficiente de praticamente todos os resíduos orgânicos através desta tecnologia o que faz com que estes possam ser um solução importante para o equilíbrio ambiental do planeta.

Qual o país com o maior número de biodigestores?

A Alemanha investiu pesado no desenvolvimento de tecnologias de biodigestão. O país é hoje detentor dos melhores métodos para a produção de biofertilizantes e energia a partir de matéria orgânica.

O forte incentivo a diversificação da matriz energética fez com que a quantidade de usinas de biogás saltasse até 2016. No total já são mais de 9.000 usinas de biogás espalhadas em todo o país.

Hoje a Alemanha é o principal país exportador dessa tecnologia. Com isso, a potência elétrica instalada saltou de 1,3 GW em 2007 para incríveis 4,2 GW em 2016.

A matéria orgânica gera quanto biogás?

Em biodigestores, a decomposição acontece na ausência de oxigênio, sendo portanto uma decomposição anaeróbia. O resultado dessa decomposição é então o biogás, uma mistura de gás carbônico e metano, e biofertilizantes.

Em se tratando de decomposição anaeróbia, devemos considerar o seguinte:

  • Diferentes tipos de matéria orgânica produzem diferentes quantidades de biogás (m³/ton ou l/kg)
  • Diferentes tipos de matéria orgânica produzem biogás com diferentes concentrações de metano e gás carbônico
  • Podemos calcular o potencial máximo de geração de biogás de uma mistura através da análise química da matéria orgânica usada, porém a quantidade que será gerada no processo depende do tipo de tecnologia usada.

Um fator decisivo é também a escolha da tecnologia que deve ser feita com base no substrato disponível. Em geral vale, cada projeto de biodigestor é único e merece atenção especial. Nunca esqueça que um biodigestor é um sistema digestivo automatizado, ou seja, um ser vivo.

Como saber que tipo de tecnologia escolher?

Saiba Como medir a eficiência de um biodigestor anaeróbio

Qual o tamanho do mercado de biodigestores no Brasil?

O Brasil é um país com economia fortemente baseada no agronegócio. É um dos principais produtores de alimentos para o mundo. Onde se produz, também se gera resíduos. O mercado brasileiro tem uma demanda gigantesca por soluções para tratamento destes resíduos. Segundo a estimativa do Ministério do Meio Ambiente brasileiros e nossos cálculos, seriam necessários 100.000 biodigestores somente para resíduos.

Saiba mais sobre O mercado de biodigestores no Brasil

Fontes:

Share this:
Tags:

About gleysson

gleysson

Sou especialista em transformar problemas ambientais em negócios sustentáveis. Formado em Dip. Ing. Verfahrenstechnik (Eng. Química) pela Universidade de Ciências Aplicadas de Frankfurt/M na Alemanha com especialização e experiência em Tecnologias para geração de Energia e Engenharia Ambiental. Larga experiência em Resíduos Sólidos com foco em Biodigestores Anaeróbios

  • LinkedIn
  • Email