fbpx
maio 10, 2014
1
||||| 1 |||||
1478

Sistema de coleta de roupas e calçados usados na Alemanha

Como funciona o sistema de coleta de roupas e calçados usados na Alemanha?

Como funciona o sistema de coleta de roupas e calçados usados na Alemanha? Quais são os impactos econômicos e sociais dessa atividade?

Estima-se que em 2015, foram produzidos mais de 92 mil toneladas de resíduos têxteis no mundo. Em outras palavras, para comparação, pode-se dizer que é produzido um caminhão de resíduo têxtil por segundo no mundo. Ao término da leitura, provavelmente, já teremos uma frota de resíduos a espera por soluções.

A indústria têxtil precisa migrar do sistema linear de produção para uma economia circular seus dos resíduos. Assim, através da adoção de sistemas produtivos eficientes, com o intuito de diminuir o desperdício durante a confecção das peças. Bem como a implantação de sistemas de coleta de roupas usadas que visa o seu reaproveitamento. Apesar de ser inexistente no Brasil, o sistema de coleta é aplicado na maiorias dos países desenvolvidos.

“Você perde 100% dos tiros que não dá” Wayne Gretzky

Por ser uma área inexplorada, consequentemente, não haverá concorrência, desse modo, você reinará sozinho e ditará as regras do mercado. O TREINAMENTO EM GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS lhe oferece a visão de mercado aliada aos conhecimentos técnicos para a solução de problemas.

Participe do melhor treinamento empresarial gratuito oferecido pelo Virapuru Training Center Lixo é Dinheiro

Treinamento Empresarial - Lixo é Dinheiro - 100% online e Gratuito

Como funciona o sistema de coleta de roupas e calçados usados na Alemanha?

A coleta de roupas usadas na Alemanha acontece em cada município através dos Pontos de Entrega Voluntária – PEV. Após a coleta, as roupas seguem para centros de triagem onde serão separadas manualmente em mais de 250 categorias.

A média de consumo de roupas e calçados na Alemanha é de 12 kg/ano por habitante. Consequentemente são gerados a cada ano cerca de 960 mil toneladas desse material. Os resíduos são compostos de 5% de calçados, 35% de roupas que ainda podem ser reutilizadas. Em seguida, 25% seguem para a reciclagem e 15% servem como material de limpeza de superfícies. Já o restante são qualificadas como rejeitos podendo ser encaminhadas para usinas de incineração por exemplo (Badische Zeitung).

As organizações sociais colocam contêineres para coleta em pontos pelo município previamente autorizados pela gestão municipal. Inicialmente, essas roupas fomentam essas instituições que devem doá-las para a população de baixa renda. Assim, as doações ocorrem diretamente no escritório da instituição. Dessa forma, qualquer cidadão pode ir buscar roupas sem a necessidade de explicação do motivo. Inclusive, outra parte das roupas usadas são enviadas para a África onde deveriam ser doadas para a população  como forma de projeto social.

Ponto de Entrega Voluntária de Roupas e Calçados na Alemanha (Foto: Wikipédia)

Quais são os impactos econômicos e sociais dessa atividade?

Investigações independentes mostram que este sistema, inicialmente elaborado para ajudar pessoas necessitadas, hoje também alimenta uma indústria bastante lucrativa. Algumas empresas distribuem contêineres ilegais em terrenos particulares espalhados pela cidade. Assim, iniciam um processo que movimenta milhões de euros por ano na Europa.

Depois de coletadas, essas roupas que deveriam ser doadas, são vendidas em países da África. As empresas africanas que compram essas roupas passam então a revender por um preço inferior ao praticado pelas fabricantes. Dessa forma, houve uma queda na oferta de emprego na indústria e varejo. Em outras palavras, esse efeito é responsável pela destruição de todo o setor têxtil de alguns países africanos.

Muitas vezes, ao contrário do que pensa, as roupas não serão doadas a pessoas necessitadas. Mas irão fomentar um negócio que pode causar mais miséria em países subdesenvolvidos ou em desenvolvimento. O continente africano importa anualmente mais de 1 bilhão de dólares em roupas e calçados usados. Somente em Uganda são gastos mais de 350 milhões de dólares com importação desse material e milhares de empregos são gerados com este mercado no país. (Jornal Süddeutsche.de 29.05.2009).

Mas como solucionar esse problema?

A entrega direta nas organizações sociais, assim como, o incentivo ao comércio local destes resíduos nos famosos “mercado das bruxas”. Bem como o uso do comércio via internet, estão sendo cada vez mais bem aceitos pela população. Além de buscar uma solução sustentável, leva em consideração também a questão do efeito global de suas atitudes.

O TREINAMENTO EM GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS foi feito exclusivamente para você que sonha em ser consultor(a). Ele desenvolve todas as competências necessárias para você ser a REFERÊNCIA profissional em sua região.

Apesar de gerar polêmica, empresas desenvolvem soluções cada vez mais interessantes para os Pontos de Entrega Voluntárias. Como mostrado no vídeo abaixo por profissionais do Portal Resíduos Sólidos em visita a IFAT 2014 em Munique, a maior feira de saneamento ambiental do mundo.

Palavras chaves: como receber doações de roupas usadas; container de roupas usadas importadas; importar roupas usadas dos eua; roupas usadas importadas dos estados unidos; quero ganhar roupas usadas; fardos de roupas usadas importadas; comprar roupas usadas estados unidos; roupas americanas usadas.

Share this:
Tags:

About gleysson

gleysson

Sou especialista em transformar problemas ambientais em negócios sustentáveis. Formado em Dip. Ing. Verfahrenstechnik (Eng. Química) pela Universidade de Ciências Aplicadas de Frankfurt/M na Alemanha com especialização e experiência em Tecnologias para geração de Energia e Engenharia Ambiental. Larga experiência em Resíduos Sólidos com foco em Biodigestores Anaeróbios

  • LinkedIn
  • Email

1 Comments

  • lulu
    2014-11-16 12:17

    Tenho 6 familias de dou suporte a mais de ano,e uma delas esta sem nada de roupas aceito tudo masculino e femenino sei que tem muita gente que tem roupas e nao usao, por favor me ajudem sei que eu nao vou poder pagar mas deus sim vai trabalhar em favor de quem doar tenhao um bom dia.

Add Comment