fbpx
fevereiro 22, 2014
1
||||| 1 |||||
2148

Usina de Extração de Prata de Radiografias e Filmes fotográficos

Resíduos de hospitais e clínicas de de vários setores da medicina assim como da indústrias fotográficas podem se tornar um grande empreendimento com a construção de uma Usina de Extração de Prata de Radiografias e Filmes fotográficos. Especialmente devido a necessidade da existência de centros de saúde em qualquer cidade, não importando o seu tamanho, são gerados toneladas de resíduos que hoje, mesmo que incorretamente, são encaminhadas para lixões ou aterros sanitários podendo causar danos a saúde devido problemas como a contaminação de lençóis freáticos.

A Prata (Ag)

Aprenda a ter um negócio de sucesso com resíduos no Portal Resíduos SólidosA prata (Ag) é um elemento químico com número atômico 47 pertencente aos metais e encontrado normalmente em forma de pepitas, grãos, agregados fibrosos e dendítricos principalmente na América do Sul, Estados Unidos, Austrália e na antiga União Soviética.

Como elemento pura, a prata é tóxica e muito maleável. Metais pesados, como é o caso da prata, possuem efeito acumulativo no organismo e causam problemas renais, motores e neurológicos. Devido a isso, precisa ser ligada a outros metais para que possa ser utilizada comercialmente na fabricação de produtos. Sais de prata são fotosensíveis e a maioria desses sais não são tóxicos. Ao serem absorvidos pelo corpo, se depositam em membranas mucosas. Nitratos de prata possuem um efeito anti-séptico que podem ser utilizados no tratamento de irritações de membranas mucosas da boca e da garganta.

Prata

Barra de Prata

O grau de pureza da Prata é denominado através de uma numeração que pode chegar até o valor máximo de 1000. Dessa forma, a Prata 1000 é feita de 100% de prata. A Prata 950 é feita de 95% de prata e assim por diante.

Como ocorre a extração primária

O continente americano produz 84% de toda a prata consumida no planeta tendo no México o maior produtor individual do mundo. As maiores minas de extração de prata são Cannington (Austrália), Fresnillo (México), San Cristobal (Bolívia), Antamina (Peru), Rudna (Polônia) e Penasquito (México)

Professor Amarildo Ferrari

Você aprenderá sobre A Política Nacional dos Resíduos Sólidos, Elaboração do Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos (PGRS), Acondicionamento e tipos de Resíduos, Tratamento e disposição final dos Resíduos, A logística reversa e a Situação dos resíduos sólidos no Brasil

Que produtos são fabricados com a Prata

Por ser um metal precioso com a melhor condutividade elétrica depois do outro seus sais serem fotosensíveis não tóxicos para os seres vivos, a prata é amplamente utilizada em diversos setores da indústria em produtos como:

  • em joalheria e ourivesaria
  • Cunhagem de moedas
  • eletrônica e elétrica
  • em fotografia
  • Fabricação de instrumentos musicais (Instrumentos de Sopro)
  • Membranas ou bobinas condutoras (tweeters de alto-falantes)
  • Filme radiográfico
  • Espelhos

Resíduos Sólidos com prata no setor de saúde

Devido suas propriedades fotosensíveis, a prata tem sido utilizada na fabricação de chapas radiográficas combinadas a uma base de acetato (derivado de petróleo) e distribuída mundialmente para hospitais e clínicas de diversos segmentos do setor de saúde.

Placas de Radiografia usadas em hospitais e clínicas de saúde

Placas de Radiografia usadas em hospitais e clínicas de saúde

Ao expor a camada de grãos de prata à luz, ocorre a reflexão da luz e cada grão de prata comporta-se de uma maneira diferente, ou seja, acontecem diferentes graus de exposição. Após o processo de exposição à luz, a chapa precisa ser revelada, pois a imagem ainda não é visível. Os reveladores mais comuns são o metol e a hidroquinona. Na fase seguinte, ocorre a eliminação da prata que não foi sensibilizada pela ação da luz e estabilização da imagem revelada. O fixador mais utilizado é o tiossulfato de sódio. (PRADO FILHO, 2012) Sendo a prata um metal pesado e altamente poluidor, a sua liberação no ambiente é proibida por normas estabelecidas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e pelo Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama). As Resoluções da Diretoria Colegiada (RDC) 306/04, da Anvisa, e Resolução no 358/05, do Conama, dispõem sobre o gerenciamento destes resíduos.

A falta de um correto gerenciamento de resíduos sólidos, seja por parte da gestão pública ou privada, os resíduos de chapas radiográficas e filmes tem sido destinados incorretamente à lixões a céu aberto ou mesmo aterros sanitários em muitas cidades do Brasil e do mundo podendo atingir os lençóis freáticos e causarem imensos danos a saúde humana e animal. Acetatos depositados em aterros comuns podem levar mais de cem anos para serem degradados.

Extração e Reciclagem

Existem diversos métodos para a extração de prata dos diferentes tipos de resíduos derivados de soluções de processamento fotográfico como por exemplo a Eletrólise, a Substituição Metálica e a Precipitação.

No processo da eletrólise, ou recuperação eletrolítica da prata, uma corrente contínua é passada pela solução rica em prata, entre um eletrodo positivo (o ânodo) e um eletrodo negativo (o cátodo). Durante este processo eletrolítico, um elétron é transferido do cátodo para a prata com carga positiva, convertendo-a para o seu estado metálico, e aderindo ao cátodo. Em uma reação simultânea no ânodo, um elétron é retirado de algumas espécies químicas na solução. Na maioria das soluções ricas em prata, este elétron geralmente é proveniente do sulfito.

A base para a substituição metálica é a redução feita pelo ferro metálico (geralmente presente na forma de “palha de aço”) do complexo pratatiossulfato para prata elementar. Os equipamentos comerciais que podem ser usados para a recuperação são muitas vezes chamados de Cartuchos de Recuperação Metálica (MRCs) ou Cartuchos de Recuperação Química (CRCs). A precipitação pode remover a prata das soluções ricas neste metal, reduzindo-a a níveis extremamente baixos. Quando aplicada de forma adequada, os níveis podem ser reduzidos até taxas baixas de ppm (parte por milhão).

Em uma técnica mais simplificada as chapas radiográficas são colocadas em uma cuba plástica, imersas em solução de hidróxido de sódio (NaOH) também conhecido como Soda Cáustica ou Hipoclorito de Sódio (NaClO) por pelo menos um dia. É preciso ter extremo cuidado com o Hidróxido de Sódio, pois o mesmo é altamente corrosivo com alta reatividade podendo causar queimaduras e cegueiras. Após esse período formasse uma lama escura que deve ser colocada em repouso para que ocorra a sedimentação por completo. A parte sedimentada é formada por óxido ou cloreto de prata e outros compostos de prata que ainda não sofreram oxidação. O tratamento térmico a pelo menos 1.000 °C deve ser feito no final com determinados cuidados e metodologias corretas para a obtenção de Prata 1000.

No final de qualquer processo teremos:

  • Prata – Pode ser comercializada para indústrias de eletrônica, jóias, da medicina, bolsa de valores, …
  • Acetato – Pode ser comercializados como embalagens ou triturado para a produção de novos produtos
  • Resíduos Líquidos – Precisam ser encaminhados a uma unidade de tratamento

Viabilidade econômica

Em uma estimativa média, cada tonelada de radiografias origina 10 kg de prata. No mercado comum (fabricantes de joias, sites ou vendas no mercado livre) a Prata 1000 varia entre 2.000 à 4.000 R$/kg.

O valor médio do investimento inicial em usinas de extração de prata de radiografias está estimado em R$ 300.000.

Dessa forma, considerando o valor mínimo da prata de 2.000 R$/kg, podemos calcular a arrecadação bruta e a taxa de amortização do investimento em 3 cenários como mostrado no exemplo abaixo:

Viabilidade Econômica de Usinas de extração de prata

Viabilidade Econômica de Usinas de extração de prata

Contudo, empreendimentos neste setor necessitam metodologias específicas devido ao contato com diversas substâncias tóxicas além de Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos e Licenciamento Ambiental. A legislação local também deve ser estudada para a verificação de procedimentos adicionais. Para aumentar as chances de sucesso do empreendimento, aconselhamos a elaboração de um Plano de Negócio por profissionais qualificados.

Consultoria para empreendedores

O Portal Resíduos Sólidos presta consultoria para este tipo de empreendimento com os seguintes serviços:

  • Elaboração de Plano de Negócio
  • Licenciamento Ambiental
  • Concepção, construção e implantação do projeto

Para mais informações entre em contato por email ([email protected])

Consultoria e Visitas Técnicas

O Portal Resíduos Sólidos organiza excursões técnicas para visitar centrais de reciclagem na Europa para grupos com no mínimo 5 pessoas. Entre em contato através do email [email protected] com o seu telefone (fixo e móvel), nome e site da empresa, data prevista para a excursão e se possível, o nome das pessoas que irão participar.

Além disso, oferecemos consultoria para a concepção de projetos como os descritos aqui, desde a sua fase de confecção do Plano de Negócio.

Referencias bibliográficas:

  • Tratamento Químico e Reciclagem de Chapas de Raio-X – LIPORINI, MION, CAVALHEIRO
  • A busca pela prata dos filmes radiográficos – Azevedo, Oliveira
  • A Tecnologia de Recuperação da Prata para Instalações de Processamento Fotográfico – Kodak
  • Wikipédia
  • Resíduos de Radiografia – recolha e tratamento – Antunes

Saiba mais sobre Tecnologias de Reciclagem clicando nas figuras abaixo:

Share this:
Tags:

About gleysson

gleysson

Sou especialista em transformar problemas ambientais em negócios sustentáveis. Formado em Dip. Ing. Verfahrenstechnik (Eng. Química) pela Universidade de Ciências Aplicadas de Frankfurt/M na Alemanha com especialização e experiência em Tecnologias para geração de Energia e Engenharia Ambiental. Larga experiência em Resíduos Sólidos com foco em Biodigestores Anaeróbios

  • LinkedIn
  • Email

1 Comments

  • Wilson
    2014-09-17 14:03

    Gostaria de fazer um curso de como retirar prata de radiografias

Add Comment